terça-feira, 22 de março de 2011

Vantagens da quimioterapia oral

 A quimioterapia oral é uma forma de tratamento que recorre a comprimidos ou cápsulas para controlar a sua doença.
Este tipo de quimioterapia também pode ser usado em combinação com a quimioterapia endovenosa ou com os tratamentos  de radioterapia.

Vantagens da Quimioterapia Oral
  • Este tipo de tratamento não exige a sua presença no hospital.
  • É um tratamento menos doloroso.
  • Não limita a sua actividade física, por exemplo andar  e andar.
  • Não limita a sua actividade profissional e social.
  • Este tratamento dá-lhe maior autonomia, uma vez que é o responsável pela toma da medicação
  • Com este tratamento tem mais tempo disponível para passar em casa e com a família.
Regime terapêutico
O seu médico prescrever-lhe-á o regime terapêutico mais indicado para a sua doença.
Se está a receber quimioterapia oral em combinação com outro fármaco não oral, terá de ir ao hospital para receber esta parte do tratamento. A frequência com que terá de se deslocar ao hospital dependerá do tratamento a administrar. Contudo, é sempre necessário efectuar análises clínicas antes do tratamento.

Efeitos secundários
Tal como em todos os tipos de quimioterapia, existem alguns efeitos secundários associados à quimioterapia oral. No entanto, as pessoas reagem de modos diferentes aos tratamentos, pelo que o tipo e gravidade dos efeitos secundários podem variar de pessoa para pessoa.
Antes de iniciar o tratamento a enfermeira irá explicar-lhe os possíveis efeitos secundários.

A enfermeira irá dar-lhe sugestões para lidar com alguns dos efeitos secundários mais comuns no tratamento com a quimioterapia oral. A enfermeira irá aconselhá-lo também qual o regime alimentar mais adequado ao seu tipo de tratamento.

É importante  que respeite o horário da toma dos medicamentos  eas indicações dadas pelo médico e pela enfermeira.

Apesar de poder topmar o seu tratamento de quimioterapia oral em casa, continuará a ter de consultar regularmente o seu médico para que este possa acompanhar a sua evolução.
Lembre-se que a quimioterapia pode provocar efeitos secundários graves e você deve contactar o seu médico ou enfermeiro assistente sempre que tenha questões ou com efeitos secundários que esteja a sentir. Isso ajudará a assegurar que a situação não evolui para um problema grave. Se necessário, o seu médico efectuará ajustes na sua dose de quimioterapia oral.

Fonte: Roche

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
X

Tratar Saúde

Receba no seu e-mail dicas de saúde

Subscreva a newsletter gratuita.





Pesquisa personalizada