sábado, 27 de novembro de 2010

O mau e o bom colesterol

Nem todo o colesterol é mau...
Está na altura de olhar para os dois lados da história.

Existem dois tipos de colesterol: LDL (Mau) e HDL ( Bom). Demasiado colesterol mau ou pouco colesterol bom podem deixa-lo/a em risco de AVC "Trombose" ou Enfarte Agudo do Miocárdio (EAM).

Compreendendo colesterol HDL (Bom) e LDL (Mau)
Imagine que a artéria é um cano, e que dentro existem 2 tipos de colesterol: LDL(Mau) e HDL (Bom). Demasiado mau colesterol ou pouco colesterol bom podem aumentar o seu risco de vir a ter Enfarte ou AVC.
Só o seu médico pode determinar quais devem ser os seus níveis de colesterol bom e mau.

Porque é que o LDL é mau?
Níveis elevados de colesterol LDL (mau) podem causar o aparecimento de placa nas suas artérias e dificultar o fluxo do seu sangue tal como num cano entupido.

Com o passar do tempo a placa acumulada pode endurecer e estreitar as suas artérias, e pode aumentar o risco de vir a sofrer um enfarte ou AVC.

Reduzir o colesterol mau pode reduzir o seu risco.

Porque é que o HDL è bom?
O HDL ajuda a transportar o colesterol para fora das suas artérias, ajudando assim no processo de remoção do colesterol "mau" do seu corpo.

Alguns especialistas acreditam que ao transportar o colesterol das suas artérias, o HDL poderá ajudar a reduzir a placa acumulada existente.

Mesmo se os seus valores de colesterol mau estejam a níveis considerados saudáveis poderá mesmo assim estar em risco de sofrer um Enfarte ou AVC devido aos níveis baixos de colesterol bom.

Pode melhorar o seu colesterol HDL (om) e LDL (mau) através de dieta e exercício
Preparar uma dieta saudável para o seu coração
O que come pode influenciar os seus níveis de colesterol. É importante que avalie cuidadosamente as suas escolhas de comida em termos de nutrição e colorias quando define uma dieta que é boa para o seu coração.

Considere estes alimentos:
  • Vegetais, fruta e fibras
  • Bifes sem gorduras e frango sem pele
  • Peixe

Evite ou limite o seguinte
  • Margarinas sólidas e manteiga
  • Bolos, batatas fritas e biscoitos
  • Claras de ovo, carnes gordurosas tais como salsichas e hambúrgueres, fígado, miúdos, bofe e outras, pele de galinha, produtos lácteos gordos tais com natas
  • Alimentos produzidos com óleo de coco e palma e chocolates
  • Bebidas e comidas doces

Encontre um exercício que se adapte à sua personalidade
A falta de exercício é um factor de risco importante para doenças do coração. O British Heart Foundation ( Fundação Britânica para o Coração) e a World Health Organization (Organização Mundial de Saúde) recomendam pelo menos 30 minutos de exercício por dia, pelo menos 5 dias por semana.
Para algumas pessoas, exercício regular pode aumentar os seus níveis de colesterol HDL (Bom). O segredo do exercício é encontrar alguma actividade que goste de praticar.

Importante:
Consulte sempre o seu médico antes de iniciar qualquer plano de dieta ou exercício.

Fonte: MSD

1 comentários:

RC disse...

O que os estudos parecem mostrar é que colesterol alto é protector da vida, estando-lhe associado, nomeadamente, menor risco de AVC. Os AVC mais severos observam-se em pessoas com colesterol mais baixo. Em pessoas que sofreram um AVC, as com colesterol mais alto têm menor mortalidade de curto prazo. Quanto a dieta, as mais gordurosas, sem limitações em gorduras saturadas ou colesterol, estão associadas a menor risco de AVC. Abaixamento de colesterol com estatinas não altera risco de AVC em pessoas idosas. Regra geral, os estudos indicam que pessoas com colesterol mais alto vivem mais anos. Veja aqui alguns artigos científicos que suportam estas afirmações -> http://www.mediafire.com/?74lwb1l05w772w9

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
X

Tratar Saúde

Receba no seu e-mail dicas de saúde

Subscreva a newsletter gratuita.





Pesquisa personalizada